Arquivo do blog

sábado, 19 de junho de 2021

7 Povos Parte IV Final. Rio de Janeiro RJ.

Logo depois veio o fim: com a intensa campanha difamatória que os Jesuítas sofreram a partir dos meados do século XVIII, a Companhia de Jesus foi expulsa das terras portuguesas em 1759, e em 1767 a Espanha fez o mesmo. No ano seguinte todas as reduções foram forma esvaziadas com a retirada dos jesuítas. Então suas terras foram apossadas pelos espanhóis e os índios foram subjugados ou dispersos. 
























Quando em 1801 eclodiu nova guerra entre Portugal e Espanha, os Sete Povos já estavam em tal estado de desintegração que com apenas quarenta homens Manuel dos Santos Pedroso e José Borges do Canto conseguiram conquistá-los para Portugal. Os Sete Povos fazem parte da cultura do Rio Grande do Sul, pois deram origem a várias cidades prósperas em solo gaúcho.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Sete_Povos_das_Miss%C3%B5es

29 comentários:

  1. Amigo me paso mas tarde a leer detenidamente.

    ResponderExcluir

  2. Portanto dá a entender que no tratado de Madrid, os negociadores portugueses e espanhóis tinham acautelado uma transição pacífica para os índios:

    Artículo XVI:
    De los pueblos o aldeas, que cede Su Majestad Católica en la margen oriental del río Uruguay, saldrán los misioneros con los muebles y efectos, llevándose consigo a los indios para poblarlos en otras tierras de España; y los referidos indios podrán llevar también todos sus muebles, bienes y semibienes, y las armas, pólvora y municiones que tengan; encuya forma se entregarán los pueblos a la Corona de Portugal, con todas sus casas, iglesias y edificios, y la propiedad y posesión del terreno. Los que seceden por ambas Majestades, Católica y Fidelísima, en las márgenes de los ríos Pequirí, Guaporé y Marañón, se entregarán con las mismas circunstancias que la Colonia del Sacramento, según se previno en el artículo XIV; y los indios de una y otra parte tendrán la misma libertad para irse o quedarse, del mismo modo y con las mismas calidades que lo podrán hacer los moradores de aquella plaza; solo que, los que se fueren, perderán la propiedad de los bienes raíces, si los tuvieren.


    ResponderExcluir
  3. História linda das missões . Tem vários filmes sobre este assunto . Mas lendo cuidadosamente foi tudo muito triste .
    Abraço e Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marina. Acho que os erros temos que aprender para não serem feitos de novo.

      Excluir
  4. Devemos reconhecer que as missões jesuítas fizeram mais pelos índios do que qualquer outra ordem ou que os missionários protestantes em outras latitudes (e que se saiba que pertenço à confissão protestante). O fato é que quem não reconhece que é um homem cego. Brasil, Uruguai, Argentina e Paraguai (especialmente este último) devem muito aos jesuítas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alí. Temos que reter o que é bom, já o mal não repetirmos em nenhuma geração.

      Excluir
  5. Bella exposición aunque surgió de un hecho muy triste. Te mando un beso

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Boa tarde minha querida amiga. Obrigado pela visita.

      Excluir
  7. Luiz, thank you for your interesting historical facts.

    ResponderExcluir
  8. Nos conmueve y nos entristece el que dos pueblos hermanos no se pusiesen de acuerdo y tuviesen que sufrir las consecuencias, los indios aborígenes.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juan. Concordo plenamente com você. Obrigado pela visita e comentário.

      Excluir
  9. Interesante historia, Luiz...no sabía que hubiera habido algún conflicto entre España y Portugal alguna vez. Gracias por el informe. Un saludo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Ingrid. Infelizmente existem outros conflitos entre vários países em nosso dia, o principal é o sofrimento que isso traz aos outros.

      Excluir
  10. podemos ainda relembrar que a ordem religiosa da companhia de Jesus teve um sucesso deslumbrante, tendo em conta os poucos meios que havia nos séculos passados no que diz respeito a meios de comunicação e a deslocação das pessoas

    fundada em 1534 (reconhecida pelo papa em 1540) por um grupo de estudantes da Universidade de Paris, liderados pelo basco Íñigo López de Loyola, foram eles os co-fundadores
    o francês Pedro Fabro, os espanhóis Francisco Xavier, Alfonso Salmerón, Diego Laynez, e Nicolau de Bobadilla e o português Simão Rodrigues
    Por Simão Rodrigues, os reis português "acarinharam" os jesuítas que foram incumbidos com a missão de espalhar a fé cristã e a cultura portuguesa em várias partes do mundo, com grande destaque no Brasil
    por exemplo
    O jesuíta António de Andrade, padre e explorador português, é o primeiro europeu a visitar o Tibete
    Homens de grande cultura,
    "Os jesuítas depressa alcançaram grande influência na sociedade nos períodos iniciais da Idade Moderna (séculos XVI e XVII) ..A companhia possui casas de professos, colégios, residências e missões "
    "..Os jesuítas chegaram ao Brasil em 1549 liderados por Manoel de Nóbrega"
    De relembrar que o padre Anchieta foi para Portugal com a família quando era criança e estudou com os jesuítas em Coimbra,

    Talvez vítimas do seu sucesso?, e acusados de ingerência nos assuntos dos reis e dos nobres, mumerosos movimentos na Europa se viraram contra eles
    "Na França, os jansenistas, galicanos e voltaireanos já havia muito queriam exterminar a Companhia, para isto valeram-se do caso do Pe. La Valette..."
    https://histoire-image.org/fr/etudes/jesuites-hydre-monstrueuse
    Assim foram 200 anos de muito trabalho que deixou obra e influência nas sociedades
    "Le 6 août 1762, le parlement de Paris déclare la Compagnie de Jésus « inadmissible par nature dans tout État policé »..."

    ResponderExcluir
  11. As voltas que a História dá!
    A exposição também o revela e as informações complementares ajudam muito.
    Obrigada por estas partilhas tão ricas e boas, Luíz.
    Um abraço e bom domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Maria. Acho que podemos sempre fazer uma reflexão da história.

      Excluir
  12. When a new war broke out between Portugal and Spain in 1801, it must have been very difficult between those two European countries. But it must have been even more difficult for their colonies, thousands of ks away from home and not necessarily aware of the issues in the two empires' centres.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde minha querida amiga. Acho que ninguém saiu vencendo nessa guerra.

      Excluir
  13. Lições de História.
    Os homens ainda hoje continuam a querer exercer o seu domínio sobre os outros, com resultados tantas vezes catastróficos. Quando algo lhes luz aos olhos, vai de cobiçar e dar cabo de tudo. Até mudar a História tentam.
    Ainda bem que há quem a preserve.
    Grata.
    Boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Fá. Infelizmente isso acontece só que de uma forma atualizada ou genérica em nosso dias.

      Excluir
  14. Nada como conhecer o passado... para evitar erros recorrentes, no futuro... no entanto... é incrível, como alguns períodos da história têm tendência para se repetir...
    Enfim! Política e religião, sempre serão as maiores causas conflituantes, neste mundo... quando deveriam fazer avançar a humanidade, para outros patamares de consciência e entendimento!...
    Uma belíssima temática, nesta exposição, que adorei apreciar por aqui!
    Um grande abraço!
    Ana

    ResponderExcluir

Oi obrigado pelas suas mensagens. Seja bem-vindo. Sou grato a todos que deixaram seus comentários e mensagens. Novos amigos são bem vindos. Não existe distância para amigos de verdade. Desejo a todos, muita saúde nesse tempo difícil e complicado. Tudo isso terminará um dia.